Carregando...

Conheça a Aromaterapia, técnica natural que conquistou as famosas

Antonia Fontenelle, Gabriela Pugliese e Gisele Bündchen usam os óleos essenciais para melhorar seu bem estar físico e psicológico

Quem sofre de ansiedade, TPM (Tensão Pré-Menstrual), Síndrome do Pânico - e tantos outros males que perturbam o dia a dia contemporâneo - pode encontrar na aromaterapia a solução para seus problemas. Celebridades como a influenciadora digital Gabriela Pugliese, a atriz e apresentadora Antonia Fontenelle e a top model Gisele Bündchen já declararam ser fãs dessa onda natural, que usa óleos essenciais puros e ainda florais de Bach, nesse último caso, usados de forma complementar ao uso de medicamentos convencionais.

Em entrevista a QUEM, a terapeuta floral Marcia Rissato explicou no que consiste a aromaterapia. "O termo aromaterapia (aromathérapie) foi empregado pela primeira vez pelo químico francês René Maurice Gattefossé, em 1928. Desde então os óleos essenciais eram quase que exclusivamente utilizados para a confecção de perfumes. Óleos essenciais são substâncias 100% naturais extraídas de plantas aromáticas, como por exemplo lavanda, eucalipto, rosa, melaleuca (tea tree) e muitas outras", disse.

Segundo Marcia, a aromaterapia é indicada em inúmeros casos, que vão desde auxiliar em desequilíbrios emocionais até procedimentos de beleza. "O mais importante é conhecer as propriedades dos óleos essenciais e seus efeitos no organismo para poder alcançar equilíbrio emocional e físico. O óleo essencial de lavanda, por exemplo, é um dos óleos mais utilizados na aromaterapia. Sabemos que ele é potencialmente relaxante, portanto, quando aplicado em difusão aérea, diminui rapidamente a ansiedade e os níveis de estresse. Isso acontece, pois as moléculas químicas do óleo de lavanda agem diretamente no hipocampo diminuindo a liberação de neurotransmissores excitatórios, e diminuindo, portanto, a ansiedade", contou.

Marcia disse que o mesmo óleo essencial de lavanda pode ser aplicado ainda em massagens relaxantes e dores musculares, já que seus efeitos também estão relacionados a processos anti-inflamatórios. "Para a beleza, podemos citar o efeito calmante do óleo de lavanda na pele após depilação, limpeza de pele e pele com acne. É importante ressaltar que para cada caso existe uma técnica diferente de aplicação e também de diluição do óleo essencial, visto que se trata de uma substância potencialmente ativa", esclareceu.

Antonia Fontenelle (Foto: Reprodução/Instagram)

O TRATAMENTO

De acordo com a terapeuta, o processo mais conhecido de tratamento com aromaterapia é a difusão aérea. "Para muitos aromaterapeutas esse é o único processo reconhecido, mas eu considero aromaterapia todos os processos que envolvem o uso de óleo essencial para fins terapêuticos", explicou. "A difusão aérea consiste na inalação de óleos essenciais via dispersão no ambiente com uso de sprays ou difusores. Ele é utilizado principalmente quando se busca tratamento de sintomas ligados a desordens emocionais", destacou.

Segundo Marcia, isso ocorre porque o sistema olfativo está diretamente ligado à ativação do sistema límbico que, por sua vez, está diretamente relacionado à regulação dos processos emocionais; à regulação dos processos motivacionais (fome, sede, sexo); à regulação do SNA (Sistema Nervoso Autônomo); e à participação dos mecanismos da memória. "Outro processo de tratamento bastante comum são as massagens corporais e faciais. Nesses casos, o óleo essencial ou mistura de óleos essenciais é diluído em uma base de óleo vegetal carreador e empregado em técnicas específicas de massagem", contou.

Gabriela Pugliese (Foto: Reprodução/Instagram)
INDICAÇÕES

Marcia citou alguns dos principais óleos e as suas indicações para cada sintoma. "Existe o que eu chamo de primeiros socorros, que são lavanda, eucalipto glóbulos e melaleuca (tea tree). A lavanda é o principal óleo essencial na busca do equilíbrio emocional e mental. O óleo de eucalipto glóbulos é indicado para oxigenar o organismo e nesse sentido muito utilizado para ativar a concentração e melhorar o desempenho mental. Já fisicamente, o óleo de eucalipto glóbulos é o de eleição pata tratamentos de afecções respiratórias. A melaleuca é um óleo essencial que contém, basicamente, efeitos físicos, principalmente antissépticos, que pode seu usado tanto na purificação do ambiente até auxiliares em casos de infecções por bactérias e fungos, mas nesses últimos é necessário um acompanhamento médico", contou.

A terapeuta contou que, como terapeuta floral, tem percebido que houve um aumento das pessoas pela busca de tratamentos alternativos, que privilegiam o bem estar. "Estamos voltando a perceber que não é preciso ficar doente para buscar a cura, o importante é evitar a doença. Digo que as pessoas estão voltando, porque esses que chamamos de tratamentos alternativos são seculares e até milenares. O equilíbrio emocional e mental está diretamente ligado à saúde plena", finalizou.

Gisele Bündchen (Foto: Reprodução/Instagram)